Archive for the ‘Sorriso do Dia’ Category

Sorriso do Dia – A Canção da Alegria
Junho 24, 2017

A canção da alegria é a sintonia entre a noite escura e a clara madrugada, limpando as lágrimas do triste rosto com mãos de vida renovada, desenhando a geometria do universo com fina seda entrelaçada na poesia da transparente maré, trepando pelo sonho aveludado dos sentidos de biquinhos de pé!

Sorriso do Dia – A Espera
Junho 9, 2017

Estou à tua espera, à chuva e ao vento da tua intempérie, à espera que a escuridão liberte a visão dos teus passos, e que a clara madrugada te mostre a estrada!

Estou aqui, à espera, gelada!

Clamando pela cansada madrugada!

Sorriso do Dia – Bom Dia!
Junho 4, 2017

Sorri para si próprio, para nós e para o dia, quer com os lábios, quer com o olhar, quer com o gesto, quer com o sorriso, e até com o silêncio, separados ou entrelaçados, quem nos acaricia com a doce brisa do girassol que traz ao peito e com a fruta madura da árvore do ser na sinfonia da alegria com secretos ponteiros azuis de cortesia, cantarolando com a frescura da fonte do bosque e com cornetas de búzios perfumadas de maresia:

– Bom Dia! Bom Dia! Bom Dia!

Sorriso do Dia – A (a)Ventura do Amor
Maio 15, 2017

Dá, recebe e partilha, vive o amor e afasta a mentira, faz uma concha com a mão na mão, leva-a aos lábios e sacia o silêncio das palavras com o pulsar do coração!

Sorriso do Dia – Vencer!
Maio 3, 2017

De manhã, quando o teu olhar triste embaciar o espelho, não penses no que sofreste, nem como te levantaste, nem como te equilibraste, nem como caminhaste, nem como lutaste, mas que venceste, e… Sorri!

Sorriso do Dia – Começar a Cantar
Abril 27, 2017

Abrir a janela à madrugada e vislumbrar, lá ao fundo, um sereno barquinho a pescar, é abrir o coração ao dia e começar a cantar!

Sorriso do Dia – A Árvore do Silêncio
Abril 27, 2017

Sorriso do dia é dar beijinhos repenicadinhos nas maçãs de seda do teu rosto de menino, despertando docemente os ramos da árvore do silêncio com rubros bagos de romã na luz fria e envergonhada da manhã!

Sorriso do Dia – Cogitações…
Abril 6, 2017

Cogito…

– Quem lê livros e escreve histórias contigo, ao desafio?
E… sorrio!

Cogito…

– Quem espera na esperança o regresso dos teus caracóis, e vê a alvura dos tempos em ti?
E… sorrio!

Cogito…

– Quem escuta o teu pausado “Então”… vestido de anos verdes, tremendo perante a hesitação da escrita, e o que… pauta a tua vivência?
E… sorrio!

Cogito…
– Quem sorri contigo, para ti e com o teu sorriso em si?!…
E… sorrio!

E…

Digo-te com a alegria do meu sorriso:

– Olá, Bom Dia! Sorri!

Sorriso do Dia – Os Vitrais do Almada
Abril 1, 2017

Vejo e revejo os vitrais do Almada na Igreja de Nossa Senhora de Fátima, e quanto mais os vejo, mais renasce o desejo de regressar para revê-los!…

E…

Atraídas pela magia das suas cores e formas, as árvores vizinhas vestem-se de flores e recitam secretos poemas de encantar nos seus manifestos.

Sorriso do Dia – O Meu Lugar
Abril 1, 2017

O meu lugar é aqui, ou ali, tanto faz, de pé, ou até sentada, mas não acolá onde alguém me empurrou e não caí, onde respirei fundo, onde olhei para a frente, e donde saí para não voltar, dizendo-me como o poeta: ” – Sei que não vou por aí!”.

E…

Segura de que no que se imagina e se desdenha como pequenez e inferioridade, está a grandiosidade do ser, honrando a memória dos meus e a minha dignidade, abri novos caminhos, prossegui, e SORRI!