O Sem-Abrigo da Cidade Grande

Era um homem de idade imprecisa. Tinha a cabeça escondida num gorro cinzento azulado, um casaco comprido, largo, desbotado, uma farta, mas triste barba que lhe tocava o umbigo, e o rosto descaído de olhar preso ao chão ou talvez adormecido, cogitei no primeiro dia em que o vi.

Partilhávamos a mesma parcela de um modesto, mas bem tratado jardim com árvores seculares quase tocando o céu, soltando algumas curiosas folhas para viajarem coladas nas asas de um ou outro ruidoso avião.

Sentei a minha gorducha e cansada mochila num banco, e coloquei-me ao seu lado no primeiro dia do meu encontro com o senhor sem-abrigo, que nem me via. Peguei numa maçã e pensei oferecer-lha, mas a sua perturbadora posição de estátua criou-me uma receosa barreira de perturbá-lo, e de não ser bem acolhida.

No dia seguinte, voltei ao jardim, e deparei-me com o mesmo senhor, que mudara de banco.

Pedi licença à minha descansada mochila e ela estendeu-me uma bolachas de arroz com cobertura de chocolate. Aceitei-a, mas olhei para rosada a maçã que estava por perto, respirei fundo e, quando me dispunha a presentear o senhor sem-abrigo, eis que me apercebo de que, não obstante a mesma posição de sem rosto, tinha numa mão uma colher, e sobre os joelhos uma embalagem de leite Mimosa, cortada, formando uma malga retangular e alta, donde sofregamente se alimentava…

Guardei a parca merenda, e retomei o percurso das minhas atividades, sentindo-me pequenininha, e trazendo aquela imagem de solitária exclusão no meu coração!…

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: