Sorriso do Dia – O Silêncio

Mar silencioso e quietinho tapadinho com um cobertor cinzentinho, novelo de nuvens em gotículas enroladinho, dormindo um belo soninho!

Nem o galo acordou, nem o cão se espreguiçou, nem um carro pegou, nem um fato de macaco o frio matinal atravessou, nem uma mochila se aconchegou nas costas de qualquer menino ou menina!

Até a lambreta de um vizinho num cantinho do parque de estacionamento acomodada com uma capa impermeável muito bem agasalhada, com gorro e um bom espaço para as orelhas, que escondem os seus olhos-espelhos, ora caídas, porque o vento foi dar uma volta por outras bandas, se encontra num profundo sono sem mexer nada, talvez com sonhos azuis na sua cor alojada, depois de uma tempestade em que ficou a tremer, destapada!

Mas…

Já sorri o baço sol, espreguiçando os seus finos fios de cabelo alourado sobre os telhados sem gatos deitados!

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: