As Medidas da Roupagem Alheia

Quem se veste com a sábia roupagem do outro, vê-se ao espelho e sente-se muito bem parecido, mas…, na verdade, as calças ficam-lhe apertadas e curtas, e os vestidos largos e compridos, além de que os sapatos não lhe servem, nem há bonés, nem chapéus que lhe assentem na cabeça – porque será?

Que “coisa” feia!

Falta-lhe o despontar da sua primavera, ter rebentos, deixá-los crescer e… torna-se árvore ricamente vestida da sua própria folhagem!…

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: