Gente Boa da Minha Aldeia – O “Balho”

Era o encerramento anual da atividade, que trazia consigo um grande almoço de confraternização.

Eram as senhoras, a maioria, muito bem vestidas, maquilhadas, com alegria nas faces espelhadas!

Eram os sorrisos bailando entre si cheios de simpatia, e o entusiasmo de quem há muito não se via!

Eram as comadres, as colegas e as primas e afilhadas celebrando o encontro, algumas saudosas, todas
animadas.

Eram os discursos executivos e os agradecimentos técnicos com simbólicos presentes regados de lágrimas emocionadas!

Eram as carnes, as batatas, as saladas e as sobremesas para uns muito boas, para outros pouco apuradas e nada apaladadas!

Era a fila para os cafés cheios e curtos como algumas saias de pé, outras sentadas, sem haver chá nem garotos, deixando gente decepcionada!

Era o animador musical que acompanhara a refeição, preparando o repertório para o ansiado baile, para muitos o ponto alto da ocasião.

Era a agitação, um pé no ar, outro no chão, um ou outro casal, comboios a apitar com tanto rir e falar, mulheres a dançar com mulheres, algumas sozinhas a abanar a anca e a saltitar, todas admiradas com quem não se levantava por o “balho” não apreciar ou faltar-lhe o “seu” homem para na dança com ele se deleitar!

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: