A Voz das Pedras

Não te entregues a qualquer coração de pedra, porque a sua fria e silenciosa linguagem é escorregadia como o limo da esverdeada rocha mergulhada na água salgada, e permanece insensível à luz da pura madrugada, abandonando-se à caridade da chuva para ficar de esparsa erva rodeada!

Anúncios

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: