Estórias de Meninas – A Preocupação da Alicinha

beijos-de-espuma-2016

Sorriu-me!

Sorriu-me, a Alicinha!

Sorriu!

Sorriu!

Sorriu como só as crianças sabem sorrir para quem sentem que gostam delas com quem se sintonizam!

Sorriu como só as crianças sabem sorrir para quem reconhecem a voz, o riso e as emoções desde o ventre materno!

Sorriu como só as crianças sabem sorrir para quem vêem todos os dias, criam laços, revisitam no permanente tempo dos afetos!

Sorriu, e… segredou-me, aflita, como quem pede ajuda, direccionado a cabeça para a frente:

” – Não tem um braço! Não tem um braço!”

– É verdade, Alicinha! Talvez o senhor tenha sofrido um acidente, ou estado doente. Mas… já aprendeu a fazer tudo com o outro braço, com certeza! – respondi-lhe, tranquilizando a tristeza do seu olhar.

E…

A Alicinha foi atrás do irmão, saltitando, à espera da hora do conto…

Advertisements

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: