A Pagizinha e a “Linha”

A Pagizinha

A Pagizinha vai fazer dieta!

Está gorda, diz ela, e preocupada, mas… eu não notei nada numa menina tão elegante!

Demonstrou-me, repetidamente, como caminha quando vai com a Irina, a sua filha, ao jardim: tronco muito direito e passadas largas – fiquei preocupada como conseguiria empurrar o carinho, mas a Pagizinha é muito inteligente, criativa e ágil, por isso não a questionei…

Constatou, interrompendo a sua prova física, apontando para as nossas pernas com um grande sorriso:

” – Olha, estamos as duas de “leggings!”

Escuso de dizer que as suas calcinhas justas, a tapar o joelho, tal como as minhas, diferiam das que eu usava em três aspectos: no tamanho e na espessura das pernas, e na cor – a da minha afilhada-amiguinha era a sua preferida: cor-de-rosa!

Os ténis da Pagizinha tinham imensas cores, e… brilhavam quando ela andava, mas… imaginem… não tinham cordões, algo que não a incomodava, pois os seus pés de Cinderela estavam muito bem aconchegadinhos e não se queixavam… – até pensei que poderiam estar colocados à sola ou presos com algum lacinho secreto, invisível!…

Insatisfeita com a revelação do seu plano de treino, a atleta pôs-se em posição de prancha…

” – Também faço isto. Queres ver?! – perguntou, fazendo flexões com correção no pátio-ginásio, em frente ao elevador.

Reconheci as suas competências e a Pagizinha, satisfeita e prestável como lhe é peculiar, fez questão de colocar o meu saco do ginásio, depois de tê-lo elogiado, no elevador o qual me levou na sua companhia e na da sua mãe ao andar de cima, a casa, e transportou-as de seguida ao rés-do-chão, pois iam fazer uma compra ao minimercado, logo ali ao lado, ao virar da esquina…

O que eu não vos contei no inicio, mas que quem está habituado a acompanhar a Pagizinha nesta página já sabe, é que quando ela abriu a porta da sua casa e me viu na sua frente, envolveu-me… naquele inefável abraço, repassando-me de felicidade sem par…

E… a minha doce menina, que desta vez me levou à porta de uma forma diferente, lá foi com a sua linda bolsinha, e a sua querida mãe, deixando-me saudosamente sozinha…

Anúncios

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: