A Menina Azul – Um Pulinho, Dois Pulinhos!

A Menina Azul

Naquele dia, pu-los, os pezinhos, dentro dos sapatinhos, vesti um casaquinho quentinho com uma gola que faz de cachecolzinho, e… lá fui à rua, num pulinho.

Era logo ali, ao virar da esquina, num pulinho!

Levava dois saquinhos de plástico na mão, um azul e o outro amarelo, e deixe-os no sítios certos, cada um no seu, claro, em dois pulinhos!

E… dei um pulinho à escola de condução, que ficava pertinho, e trouxe a uma guia para conduzir dentro de dias, sem pulinhos.

Subi as escadas, só com uma cartinha verdinha e bem segura na mão; fi-lo num pulinho, mas… devagarinho!

Ah! Tomei uma decisão: amanhã volto à rua, num pulinho! Talvez sejam dois ou mais pulinhos, mas… pelas terra dos caramujinhos!

Anúncios

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: