O Voo do Sonho de Tule

O Sonho de Tule

O sonho de tule abriu asas e voou em bando para outro horizonte, porque onde poisava começou a soprar uma aragem, e… o tule abanava, a cabeça pendia e o corpo não se segurava!

Mas…

As penas das mães-protetoras dos sonhos de tule protegeram-nos e… no seu bater de asas, noutro ninho as poisaram e… de biquinhos de pé… continuaram, continuaram, longe da minha vista nublada, mas perto do meu saudoso coração!

Anúncios

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: