O Conhecimento Conveniente

O Mar Prisioneiro, 2015

Esperas de quem te conhece, te cumprimenta e fala contigo, que te conheça, te cumprimente e fale contigo sempre, não apenas quando estão a sós, frente a frente, mas também circunstancial e ainda socialmente; se finge não te ver, e te ignora nestes contextos, afasta-te dessa gente de conhecimento conveniente!

Anúncios

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: