O Corredor Proibido

 

Caminho na Praia

A avó, muito séria e peremptória, chamou a atenção das duas crianças para não correrem, acrescentando de dedo no ar:

“- Ouviram?!…”

O menino e a menina travaram o movimento “de lançamento” para que se dispunha, e ficaram parados!

Como era possível satisfazer tal pedido, olhando para o longo, brilhante e tentador corredor?!…

Depois, os dois irmãos entreolharam-se e sorriram, tropeçando nos próprios passos, tocando nos ombros um do outro com olhares cúmplices!

Sorri, e convidei-os a caminharmos direitos e de  braços esticados para trás e para a frente como se fôssemos polícias ou militares num evento! Talvez no 25 de abril!

“- Polícias!” – retorquiu determinado o menino grande e robusto!

” – No 25 de abril!” – adiantou a menina franzina de cabelos longos e tão fininhos como a sua voz!

E… lá seguimos os três rigorosa, silenciosa e divertidamente até ao final do corredor onde nos despedimos “à vontade”, sorrindo!

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: