O Silêncio da Manhã e os Chilreios da Pagizinha

Planta à Janela

De manhã, o silêncio impõe-se, embalando as crianças e as plantas preguiçosas com segredos de veludo!

De manhã, a janela da minha vizinha não escancara a boca, e não canta! – será que a primavera ainda não acordou na sua casa?

De manhã, o jovem vizinho não  acaricia os seus instrumentos, e a música não sobe as escadas, nem dança nas paredes nuas do prédio!

De manhã, a voz da Pagiznha derrete o silêncio com sorrisos de criança sem hora nem ritmo marcados, trepando pelo ar sereno, batendo às portas com subtis melodias de inocência!

De manhã, a porta da casa da Pagizinha fecha-se,  e a sua conversa afasta-se, deixando o ar perfumado de chilreios misturados com a frescura da fonte da vida, brotando de uma flor!

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: