Aerograma N.º 4 – O Mar que te Chama

Vem, minha amiga e minha irmã lamber o mar de S. Torpes com os teus olhos famintos e deixa esvoaçar os teus sonhos nas ondas à velocidade dos passos apressados das gaivotas bebés, enquanto os teus pés refrescam a tua alma na suavidade da areia fresca e húmida, e canta, e grita à tua liberdade e ao esplendor da vida, que de tão curta, às vezes parece comprida!

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: